Domingo, Dezembro 4, 2022
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
InícioNotíciasEsportesTorcedores do Vale fazem a festa nas ruas de Montevidéu antes da...

Torcedores do Vale fazem a festa nas ruas de Montevidéu antes da final da Libertadores

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

A bola vai rolar no gramado do Estádio Centenário de Montevidéu, no Uruguai, com enorme expectativa neste sábado (27) a partir das 17h. É uma das finais mais badaladas dos últimos tempos da Copa Libertadores da América no futebol masculino. Dois gigantes do futebol brasileiro se enfrentarão em partida única: Flamengo e Palmeiras (aqui em ordem alfabética), ambos buscando o terceiro título da competição.

Uma final brasileira disputada no Uruguai fez com que milhares de torcedores se deslocassem de todas as regiões do Brasil ao país vizinho. Do Vale do Itajaí, muitos flamenguistas e palmeirenses viajaram rumo ao sul para assistir a final. Um deles, é o administrador Gilbran Olímpio, flamenguista, morador do bairro Belchior em Gaspar. Gilbran foi a Montevidéu em uma excursão com aproximadamente 25 torcedores rubro-negros aqui do Vale.

A viagem não é barata. Gilbran conta que adquiriu o ingresso ao valor de R$1.100 como sócio torcedor do Flamengo. Ele calcula que a despesa total de viagem fique em torno de R$ 5 mil e R$ 6 mil. Os ingressos mais caros para a final foram vendidos pelo valor aproximado de R$ 3.600.

Gasparense Gilbran Olímpio na festa flamenguista nas ruas de Montevidéu. Foto: Divulgação.

Com a “invasão brasileira” nas arquibancadas, há uma expectativa de que em torno de 20 mil flamenguistas e 10 mil palmeirenses ocupem respectivamente os setores Columbes e Amsterdam no Estádio Centenário, segundo o jornalista Marcel Rizzo, do site UOL. O estádio tem capacidade para 60 mil pessoas, mas deve receber menos de 50 mil devido às normas de segurança e divisão entre torcidas, explica Rizzo.

Torcida do Palmeiras em praia de Montevidéu. Crédito: SE Palmeiras.

Nas ruas de Montevidéu, as torcidas já fazem a festa. Palmeirenses na praia e flamenguistas lotando as ruas. Estão por todos os lugares e chamam a atenção dos moradores locais.

Dentro de campo estarão dois dos mais caros elencos do futebol sul americano, com o comando de dois dos mais badalados técnicos do momento. Renato Gaúcho, no lado do Flamengo, já conquistou uma Libertadores como técnico do Grêmio em 2017 e como jogador em 1983. Tem experiência em finais tensas como a deste sábado. Abel Ferreira, do lado do Palmeiras, conquistou a última competição e organizou um time que já tem o torneio no seu DNA. Só a disputa entre os comandantes das equipes já torna um resultado imprevisível.

Menos imprevisível na opinião de Gilbran Olímpio. Na mistura de otimismo de torcedor com a realidade da festa flamenguista em terras uruguaias, o gasparense apaixonado pelo clube aposta em um placar tranquilo de 2×0 ou 3×0. Torcedores palmeirenses da região falam em placar inverso. São verdades que só saberemos neste sábado após às 19 horas. Mas até lá, vale o entusiasmo saudável das torcidas, seja diante da TV ou no calor do histórico Centenário.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Mais Notícias desta Categoria
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias

Comentários Recentes