Terça-feira, Novembro 29, 2022
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
InícioNotíciasSegurançaHomem sofre tentativa de homicídio por ex-colega de trabalho em Indaial

Homem sofre tentativa de homicídio por ex-colega de trabalho em Indaial

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Um homem de 30 anos foi vítima de uma tentativa de assassinato na noite deste domingo (7), por volta das 21h30 na Rua Boa Esperança, bairro Mulde, em Indaial. Um ex-colega de trabalho, de 37 anos, agrediu a vítima usando uma régua de alumínio, usada em construção civil.

Quando a polícia militar foi atender a ocorrência, não encontrou ninguém na residência onde ocorreu o fato, mas verificou que havia uma grande quantidade de sangue pelo chão. Os policiais então foram até o Hospital Beatriz Ramos e conversaram com a esposa da vítima, de 28 anos, que aguardava o marido ser atendido pelos médicos.

A esposa relatou que na mesma noite um homem chamou insistentemente pelo seu marido em frente à residência. Os dois teriam começado uma discussão, quando o homem entrou no local para chamá-la a participar da conversa. Com medo do suspeito, a mulher trancou as portas.

Ela contou que, em seguida, o homem começou a agredir violentamente o seu esposo com uma régua de alumínio utilizada em construção civil, nitidamente querendo matá-lo. No desespero, a mulher começou a gritar por socorro, até que o agressor parasse de bater e fugisse do local em um Honda City de cor prata.

Foto: Vazlon Brasil/ilustrativa

O homem, vítima das agressões, teve um corte grande na lateral esquerda do rosto, acima da sobrancelha e mais outros ferimentos na nuca e na cabeça. Inicialmente, os médicos avaliavam que havia a possibilidade de o homem ter perdido a visão do olho machucado. Além disso, ele soltou muito sangue pela boca enquanto foi atendido.

Apesar do quadro de saúde da vítima, os PMs conseguiram ouvi-lo brevemente. Ele relatou que o agressor era um ex-colega de trabalho, mas que desconhecia o motivo do ataque. E que o agressor fugiu no carro acompanhado do pai e de um motorista desconhecido.

A guarnição da PM foi até a residência do agressor, na Rua Uruguaiana, bairro Encano do Norte, em Indaial, mas não o encontrou em casa. Os policiais pediram apoio à guarnição de Apiúna, por ser a cidade onde mora a mãe do suspeito. Apesar de ações policiais nos acessos ao município, o suspeito não foi localizado. O caso foi repassado também à polícia civil e ao Instituto Geral de Perícias (IGP), por se tratar de um “homicídio doloso tentado”. Até a manhã desta segunda-feira (8), o agressor ainda não havia sido localizado.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Mais Notícias desta Categoria
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Últimas Notícias

Comentários Recentes